.

.
.
.
.
.

Eclipse total da Lua - Visível esta madrugada em Portugal

A Terra vai atravessar-se entre o Sol e a Lua esta madrugada. Se as nuvens não o impedirem, o fenómeno astronómico será visível a partir das 00h35 (hora de Lisboa), num momento em que a Lua cheia estará bastante alta no céu, em boas condições para se observar a sua ocultação.

A Lua ficará com um tom avermelhado durante o eclipse, que atingirá a sua expressão máxima às 3h26, com a Lua a mergulhar completamente na sombra da Terra. "O disco lunar estará sempre visível, com várias tonalidades entre o cinzento e o avermelhado, devido às radiações luminosas projectadas por partículas da atmosfera terrestre", explicou à agência Lusa fonte do Observatório Astronómico de Lisboa (OAL).



A Lua vai entrar sucessivamente na penumbra (00h35) e na sombra (1h43) até começar o eclipse total, que decorrerá entre as 3h01 e as 3h52.
Nas fases seguintes, a Lua sairá da sombra às 5h09 e da penumbra às 6h17, altura em que o seu disco estará de novo totalmente visível, embora a sua imagem comece a dissolver-se com o nascimento de um novo dia. O começo da fase de sombra será visível em África, na Europa, no Oceano Atlântico, na América Central e do Sul, e na América do Norte, com excepção da zona ocidental. Quanto ao final do fenómeno, só poderá ser visto na Europa ocidental e na orla mais ocidental de África, no Oceano Atlântico, no continente americano e na metade leste do Oceano Pacífico.

Este eclipse tem a particularidade de a Lua não atravessar a sombra da terra pelo meio, mas sim um pouco abaixo do diâmetro central e paralelo à orbita da Lua, o que tornará menor a fase de ocultação total.

Os últimos eclipses totais da Lua visíveis em Portugal ocorreram a 3 de Março de 2007 (entre as 22h44 e as 23h58) e a 28 de Outubro de 2004 (entre as 3h23 e as 4h45).



Sem comentários: