.

.
.
.
.
.

BUSTED!!!

OBAMA AND HILLARY, IT WAS PLAGIARISM!


A ESCOLHA

Se não se tivesse já tornado óbvio ao longo dos últimos seis ou nove meses bastariam estas últimas duas semanas para constatar o inegável: existem duas Américas (EUA) sobrepostas, dois mundos habitados por dois tipos de seres humanos completamente diferentes.
Não estou, apenas, a referir-me a dois partidos políticos, isso é de somenos importância, mas sim a formas de pensar, de agir, de sentir e de interagir que ultrapassam as fronteiras da filiação partidária e se reflete nos valores pessoais.

Claro que não são uns todos maus e os outros todos bons, seria uma infantilidade tentar sequer pôr a questão dessa maneira mas colectivamente gera-se uma atmosfera em torno de uns e de outros que evidencia no todo o carácter predominante das partes.

O ambiente, a energia, se preferirem, na assistência e nos palcos das convenções do Partido Republicano e do Partido Democrático dificilmente poderia ser mais diferente; Como disse, são dois mundos habitados por dois tipos de seres. Esta divergência facilita muitíssimo as coisas, poder-se-ia até ignorar temporariamente os candidatos, a escolha é outra: em qual dos mundos se quer viver. Queiramos ou não é esta a questão que nos define pessoal e socialmente, tudo o resto são questões conjunturais encabeçadas pelos protagonistas do momento.

E esta não é uma questão que defina apenas os dois mundos americanos: quando olhamos e vemos, ouvimos e pensamos, avaliamos e ajuizamos, definimos em nós qual o mundo a que pertencemos. Não lá nem cá, em nós.


-----------------------------------

.../... (Trump) tells our NATO allies that stood by our side after 9/11 that they have to pay up if they want our protection.

Well, America’s promises do not come with a price tag. We meet our commitments. We bear our burdens.
.../...
America is already great. America is already strong. And I promise you, our strength, our greatness, does not depend on Donald Trump. In fact, it doesn’t depend on any one person. And that, in the end, may be the biggest difference in this election -- the meaning of our democracy.
.../...
Our power doesn’t come from some self-declared savior promising that he alone can restore order as long as we do things his way. We don’t look to be ruled.
.../...
America has never been about what one person says he’ll do for us. It’s about what can be achieved by us, together -- through the hard and slow, and sometimes frustrating, but ultimately enduring work of self-government.

Barack Obama - DNC - 28 Jul. 2016

-------------------------------------------------------------

Quanto ao outro personagem saiu-se com esta:
Donald Trump, after hearing speeches at the Democratic convention this week, said Thursday he wanted to "hit a number of those speakers so hard, their heads would spin."
"They'd never recover,"
he said. 
@CNN


-------------------------------------------------------------

I rest my case...

.

NÃO HÁ SANÇÕES

FÉRIAS FELIZES, À VOLTA CÁ VOS ESPERO


O Costa disse que não era preciso um "Plano B"
Lá em Bruxelas disseram: "Ó Costa, tu vê lá, isso vai dar borrasca, pensa lá bem.."
O Costa repetiu que não era preciso um "Plano B"

Depois veio a novela das sanções...

Hoje o Costa está em festa: Não há multas para Portugal e Espanha
O Costa está contente, faz boa figura mas não sei se vai fazer festa lá em casa...Parece que assim de momento não dá muito jeito, tem muitas contas para fazer.

Eu também estou contente, não é já que vão voltar a mexer nos nossos bolsos.
Não é já, já...

Mas há que estarmos minimamente atentos ao que diz o relatório...
O Costa diz muitas coisas mas não cita o relatório.

Brussels, 27.7.2016 COM(2016) 520 final
Recommendation for a COUNCIL DECISION
giving notice to Portugal to take measures for the deficit reduction judged necessary in order to remedy the situation of excessive deficit
Diz lá assim na página conclusiva:

HAS ADOPTED THIS DECISION:
Article 1 
1. Portugal shall put an end to the present excessive deficit situation by 2016. 

2. Portugal shall reduce the general government deficit to 2.5% of GDP in 2016. This target does not include the impact of the direct effect of potential bank support. This improvement in the general government deficit is consistent with an unchanged structural balance with respect to 2015, based on the Commission 2016 spring forecast. Portugal shall also use all windfall gains to accelerate the deficit and debt reduction

 3. In addition to the savings already included in the Commission 2016 spring forecast, Portugal shall adopt and fully implement consolidation measures for the amount of 0.25% of GDP in 2016. In particular, Portugal shall implement fully the consolidation measures incorporated in the 2016 Budget, including the additional expenditure control in the procurement of goods and services highlighted in the Stability Programme. Portugal shall complement those savings with further measures of a structural nature to achieve the recommended structural effort.

4. Portugal shall stand ready to adopt further measures should risks to the budgetary plans materialise. Fiscal consolidation measures shall secure a lasting improvement in the general government balance in a growth-friendly manner.

5. To ensure a durable improvement of public finances, Portugal shall strictly implement the Budget Framework Law and the Commitment Control Law and further improve revenue collection and expenditure control. Portugal shall present a clear schedule and implement steps to fully clear arrears and improve efficiency in the health care system, to reduce the reliance of the pension system on budget transfers and to ensure fiscal savings in the restructuring of State-owned enterprises.

Article 2 
The Council establishes the deadline of 15 October 2016 for Portugal to take effective action and to submit a report to the Council and the Commission on action taken in response to the Council notice. The report shall include the targets for the government expenditure and revenue and specify the discretionary measures on both the expenditure and the revenue side, as well as information on the actions being taken in accordance with Article 1(5).

(Relatório oficial AQUI)
____________________________

TÁ-ZA-VÊRI-Ó JÁ-M'ENTENDES?

Então vamos lá em busca do "Plano C" que o "B" está à vista que não faz falta nenhuma
..................................

O Costa ao jornal Público:
“Mantemos um registo de diálogo positivo e sem dramas, mas recorreremos com base no mesmo argumento que os nórdicos têm utilizado, que é o de que vamos cumprir as regras, mas vamos discutir quais as regras e se as cumprimos ou não”
Ó Costa... pois, ou cumprimos ou não, ninguém nos obriga... 
Quanto a "discutir quais as regras" não sei se leste, se atentaste, mas ia jurar que estão escritas, e assinadas, no Tratado Orçamental.
Ou queres fazer uma petição a exigir a "repetição do jogo"?



НОВЫЙ ЛУЧШИЙ ДРУГ TRUMP

(LINK para os curiosos)

Ou, A última Teoria da Conspiração

Isto de mudar de ares às vezes expõe-nos a ventos que nos trazem conversas novas, de outros cantos, ouvidas ao longe sem quase serem perceptíveis. A bem dizer nem são ventos, leves brisas... A bem dizer nem são conversas, são insinuações. A bem dizer nem são perceptíveis, são intuídas. Provavelmente nem existiram, não passam de imaginação minha. Como disse uma vez a um professor que tentava fazer-me uma prova oral: "Na ausência de conhecimento há que demonstrar imaginação". Não liguem, nem leiam, isto sou só eu a exorcizar os disparates que me passam pela cabeça.


Então não é que fui imaginar que o Donald andava metido em negócios com a máfia russa? Ou não seria a máfia? E se fosse a própria Rússia?

Pode  lá ser, um tipo que só quer o bem dos felow americans, um nacionalista de gêma. America first (and the world won't last).

Nem sei onde fui buscar tal absurdo. Talvez me tenha ficado a moer a cabeça aquela coisa de o Donald se recusar a apresentar as suas declarações de rendimentos. Por quê? O homem brada aos quatro ventos "I am very rich!"
Pois é. Ele é.

Hilary, que tem sido acusada de tudo e mais alguma coisa, publicou as declarações de rendimentos dos últimos 32 anos, as suas e as do marido.
Há meio século que todos o fazem.
O Donald não pode, está a ser auditado, diz ele. (Sim, e o que tem uma coisa com a outra? Não é ilegal, não viola qualquer segredo de justiça... Não percebo e parece que não sou só eu).
«Both Bill and Hillary Clinton have released 32 years worth of tax returns. The last Republican nominee for president released two years of returns showing that the multi-millionaire paid a 13% tax rate, waiting until late October before the election before proving then-Democratic Senate Majority leader Harry Reid’s public statements that Romney had paid little or no taxes for a decade. Ironically, Romney’s father George began the tradition of extensive release of taxes in Presidential races back in the 1960s.» 
Fonte: George Will, colunista internacional conservador 
Membro do Partido Republicano até Junho 2016


Também pode ter sido por deparar várias vezes com aquele sabidão chamado Paul Manafort no écran da minha impecável televisão durante a convenção republicana. O Paul é um dos poucos tipos a quem o Donald dá ouvidos no que toca à estratégia de campanha e foi por ele contratado. Não sei se fez bem...
Paul trabalhou em 2005 com Akhmetov, magnata ucraniano do aço, apoiante e financiador de Yanukovych, o primeiro ministro ucraniano aliado de Putin que em 2014 fugiu para a Rússia e que também foi seu cliente.  - A ex- primeiro-ministro Yulia Tymoshenko processou oficialmente Paul por este ter, alegadamente - como é bem dizer- canalizado umas massas valentes de Yanukovych para os EUA; tudo mentira, claro, coitado do Yanukovych. Entretanto Yulia Tymoshenko foi presa.
Como raio foi Paul aos domínios, e à confiança, deste e de outros ricaços ucranianos pró-russos? Dizem as más-línguas que é um protegido de Oleg Deripaska, um multi-bilionário russo, rico mas seríssimo, óbvio, que se dá bem com Putin, curiosamente.

Provavelmente não passa de uma enorme e infeliz coincidência que na véspera do arranque da convenção democrata uns hackers russos tenham penetrado o sistema do Partido Democrático e publicado e-mails procurando lançar uma grossa entrigalhada entre os apoiantes de Bernie Sanders e os de Hillary. A montanha pariu um rato: A campanha de Sanders já declarou, e documentou, que não houve qualquer fraude nas eleições primárias democratas. Shut up.


Bernie’s Press Secretary To Supporters:


We Lost Fair & Square, 
ZERO Election Fraud


________________________________________________

Richard Barger, oficial chefe de informação da ThreatConnect, empresa de ciber-inteligência referiu o seguinte sobre o recente ataque informático:
“We’ve been looking at this very closely from both the technical and non-technical spheres. Based on our analysis, we strongly feel Guccifer2 (o hacker) is linked to a Russian information operations campaign and is not the independent Romanian hacker that he claims to be.”
The apparent link to Russian intelligence raises troubling implications for U.S. foreign relations and national security. Russia has not to date tried to interfere in U.S. elections, but if this is a deliberate effort by the Kremlin to meddle, it is worrisome.

Michael G. Vickers, sub-secretário da Defesa para a Inteligência (leia-se CIA) de 2011 a 2015, refere: 
 “An effort by the Russians to release intelligence in advance of a U.S. election is likely unprecedented. What is really new here is the attempt to influence the politics of the United States. That is the problem.”

Só pode ser coincidência... Qual seria o interesse dos russos - leia-se Putin s.f.f. - em ver Trump na Casa Branca em vez de Clinton? O Donald até é um rapaz bem mais "às direitas".

Convenhamos em que Trump tem dito algumas graves barbaridades no que toca à NATO e à relação dos EUA com os seus aliados europeus da NATO.
CLEVELAND — Donald J. Trump, on the eve of accepting the Republican nomination for president, explicitly raised new questions on Wednesday about his commitment to automatically defending NATO allies if they are attacked, saying he would first look at their contributions to the alliance. 
Asked about Russia’s threatening activities, which have unnerved the small Baltic States that are among the more recent entrants into NATO, Mr. Trump said that if Russia attacked them, he would decide whether to come to their aid only after reviewing if those nations have “fulfilled their obligations to us.”  
The United States created the 28-nation alliance, and Article 5 of the NATO treaty, signed by President Truman, requires any member to come to the aid of another that NATO declares was attacked. It has been invoked only once: NATO pledged to defend the United States after the Sept. 11, 2001, attacks.  
In "The New York Times"

Trump não é um problema dos americanos, infelizmente.

Durmam em paz, isto é tudo desinformação, as declarações do Donald são invenção e o resto é imaginação de uma mulher que não tem mais o que fazer, a euzinha.

"I ALONE CAN FIX IT"

Depois de esta madrugada ter ouvido o discurso em que Trump aceitou, humildemente (sic) e com grande sacrifício pessoal e profissional (sic Ivanka), a nomeação pelo Partido Republicano à candidatura a presidente dos Estados Unidos, cheguei a várias conclusões:

  • Os EUA transformaram-se um país do terceiro mundo,
  • tem as estradas em ruínas e as pontes a desabar (sic),  
  • um desemprego galopante,
  • está em estado de guerra cívil,
  • as fábricas estão vazias,
  • não tem potencial ou força bélica,
  • os americanos vivem com "vales-alimentares" (sic "americans are on food stamps").
  • Vive-se o legado de Hilary: morte, destruição, terrorismo e fraqueza (sic)
  • A situação é pior do que alguma vez foi. (sic)
  • Ninguém conhece melhor o sistema político do que ele, Donald e por isso  ele é o único que pode reedifica-lo
---------------------

Há mais factos expostos por Trump que demonstram que os EUA estão à beira do abismo, melhor dizendo, num profundo buraco e em espiral descendente  mas o discurso teve uma duração de 75 minutos e, após uma resistência estoica, achei que já tinha exercitado ao ponto de masoquismo a minha tolerância ideológica.


"Nobody knows the system better than me, 
which is why I alone can fix it," 
____________________
The most important difference between our plan and that of our opponents, is that our plan will put America first. 
Americanism, not globalism, will be our credo.
:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

«Every day I wake up determined to deliver a better life for the people all across this nation that had been ignored, neglected and abandoned.

I have visited the laid-off factory workers, and the communities crushed by our horrible and unfair trade deals. These are the forgotten men and women of our country, and they are forgotten, but they will not be forgotten long. These are people who work hard but no longer have a voice. »

«I am your voice.»
«I have embraced crying mothers who have lost their children because our politicians put their personal agendas before the national good.»

«I have joined the political arena so that the powerful can no longer beat up on people that cannot defend themselves.»

PS -  quem não acreditar nestas e quiser ler outras deixo o link ao discurso integral (boa sorte...) com interessantes notas de verificação de factos em link

E por falar em VERIFICAÇÃO DE FACTOS vale francamente o tempo gasto por AQUI
.

CONTINUA O BAILE

Não quero falar do "golpe de Estado" do tarado otomano
Não me interessa falar do Congresso do Partido Republicano (oiço só as anedotas mais logo na CNN)
Está esgotado tudo o que se possa acrescentar à última insanidade terrorista em Nice
... e por aí fora.

Já que continua o "baile" vou dando ouvidos à música

Ouro e bronze para Portugal na Taça da Europa de judo de Gdynia
 David Reis - eliminatórias da categoria de -66 quilos - ouro
João Martinho - categoria de -81 quilos - bronze
Maria Siderot -48 quilos - bronze

Junior Open Championship

Pedro Lencart - primeiro português a vencer a prova mista em Ayershire, Escócia




E para fechar em beleza:

O Moscatel Roxo de Setúbal, da Adega de Pegões, alcançou o título de Melhor do Mundo na 16ª edição do Muscat du Monde, em França.
20 países - 230 vinhos
Ao todo foram atribuídas 29 medalhas de ouro, sendo que para Portugal vieram mais cinco
Moscatel Roxo de Setúbal - Casa Ermelinda Freitas, 2009; 
Moscatel Roxo de Setúbal Superior 10 Anos – SIVIPA ; 
Moscatel de Setúbal – Adega de Pegões; 
Moscatel de Setúbal 2012 – Venâncio da Costa Lima 
Contemporal 2010 Moscatel Roxo de Setúbal – Adega de Pegões.

Especial para o Laurus nobilis

Após a emocionante vitória portuguesa no Campeonato de Hoquei em patins não podia deixar de lhe comunicar  esta nova lusa vitória
Ao contrário de Maradona nem precisaram de uma ajudinha da "mão de Deus"


Padres portugueses voltam 
a ganhar europeu de futsal

«A selecção nacional de futsal do clero sagrou-se na quinta-feira campeã europeia, num torneio onde só participam equipas compostas por padres, repetindo o feito do ano passado, na Áustria. 
O torneio deste ano decorreu na Eslováquia e a selecção nacional de padres obteve o título, após vencer a congénere polaca por 2-1.»
http://www.maisfutebol.iol.pt/europeu-padres/05-02-2016/padres-portugueses-voltam-a-ganhar-europeu-de-futsal
______________________________ 

E já agora, para ir somando:

Teresa Bonvalot - campeã da Europa de surf, juniores
Sopelana, Espanha.


.

?

Nice, Daca, Bagdad, Mogadishu, Bruxelas, Istanbul, Orlando, ... , ... , ...


Deus ?

Se existe, na Terra não está

UM VERÃO DE OURO

Só após o início do Verão de 2016, Portugal também ganhou o Europeu de Futebol; também mas não só... Assim de repente algumas vitórias lusas, e o Verão ainda é jovem.

Europeus de Atletismo
Patrícia Mamona - campeã da Europa do triplo salto
Sara Moreira - medalha de ouro na prova da meia-maratona e
Jéssica Augusto - medalha de bronze
Tsanko Arnaudov ( português) medalha de bronze no lançamento do peso
Ana Dulce Félix - Taça da Europa da distância, meia-maratona, para a qual contam os registos das três melhores de cada país, tendo fechado a equipa lusa no 12.º posto, dando o triunfo colectivo a Portugal.


Europeus de Canoagem
Fernando Pimenta - duas medalhas de ouro, em K1 1000 e 5000
Campeonato Mundial Universitário de Canoagem.
A dupla Maria Cabrita e Francisca Laia em 500 metros e a segunda nos 200 metros a solo da portuguesa olímpica (F.L.)

Campeonato do Mundo de Maratonas BTT
Tiago Ferreira - ouro

Concurso Mundial para Jovens Bailarinos em Nova Iorque
1300 jovens - 32 países
António Casalinho (12 anos) - Ouro

Europeu de Basquetebol Feminino sub-20
Equipa portuguesa - Medalha de Ouro

Campeonato Europeu Natação Juniores
Tamila Holub - 1500m livres - Ouro

Campeonato do Mundo de Ginástica Acrobática
Joana Moreira e Rita Ferreira - Pares femininos, grupo 12-18 - Ouro
Henrique Branco e Tomás Filipe - Pares masculinos, grupo 12-18 - Bronze

Ciclismo - Europeu de Lisboa
Portugal . sete medalhas na competição de Age Groups, distância olímpica.
Campeões da Europa dos respectivos Age Groups:
Diogo Nóbrega (AG 18-19), 
Katarina Larsson (AG 30-34)  
Márcio Neves (AG 30-34) .
Bronze:
Rodrigo Baltazar (AG 35-39)
Miguel Fragoso (AG 50-54) 
Carlos Cabrita (AG 60-64) 
Maria Medeiro (AG 18-19)

Até a vitória no Campeonato Intenacional de Colombofilia, no qual paticiparam dezenas de países com um total de 900 pombinhos os portugueses arrecadaram

É preciso ter asas!

HEROES JUST FOR ONE DAY

RESUMO EURO 2016 - BBC : PER-FEI-TO!

 

PARDONNEZ-MOI MAS NÃO RESISTO

A melhor atitude dos franceses no rescaldo do Euro 2016 foi colocarem aquela petição on line requerendo a repetição do jogo final. Que gozo me deu!!!


Não sei se será grande ideia, ainda ontem à noite revi os últimos 20 minutos e o Éder voltou a marcar...

PARABÉNS À RTP PELA SUA PUBLICAÇÃO



UMA VITÓRIA ESPECIAL

Está bem, amanhã eu calo-me com os futebóis mas hoje ainda estou a cair em mim e a regozijar-me com uma merecidíssima e sofrida vitória.
Empatamos com quem empatou connosco, vencemos uns outros e nenhum nos derrotou.

Sinto muitas coisas que não consigo verbalizar, como disse, ainda estou a cair em mim. Não é só o futebol, o euro 2016, a vitória, a Selecção, é muito mais do que isso.
É o nosso país pequenino ser Grande, é a capacidade de acreditar, de manter o sonho a ser sonhado, de lutar sem desistir, de não vacilar perante o descrédito alheio.
É saber vencer sem fanfarronices, sem violências de conquistador arrogante, é festejar sem agredir nem humilhar.

Esta é uma vitória importante para nós, portugueses, porque nos lembra de que somos capazes, tão capazes quanto quaisquer outros, bastando para isso que nos lancemos à obra de cabeça erguida, sem queixumes sobre a dor que a luta da vida implica. E que lutemos, juntos, como onze milhões em campo.
Em tempos idos conquistamos mundos, hoje precisamos reconquistar a nossa fé em nós próprios, no nosso país, nas nossas capacidades e possibilidades,
Sim, conseguimos, se a tal nos propusermos.

Obrigada rapazes por nos trazerem este orgulho de sermos exactamente quem somos, nem mais nem menos.

________________________________________

Deixo aqui algumas palavras que Pepe disse ontem pouco depois do final do campeonato que me tocaram especialmente pelas emoções e sinceridade que deixam transparecer:

"Foi complicado, porque nós perdemos o nosso principal jogador, o jogador em quem tínhamos depositado a nossa fé. Era o jogador que podia marcar golos. Quando soubemos que ele não estava mais em campo, tentei passar a mensagem aos meus companheiros, tínhamos de ganhar por ele."

"Ontem, antes do jogo, dissemos que íamos lutar, dar tudo pela nossa nação, iríamos trabalhar e ser humildes. Dentro de campo cada um é o treinador, o mister planeia uma tática, uma ideia, mas nós dentro de campo temos de fazer da melhor maneira possível, o mérito está também nos jogadores, no espírito de sacrifício que tivemos, na humildade."

"Eu acho que essa vitória foi de pura humildade, porque nós representamos o povo português, o povo é isso, humildade, trabalho. Tentámos representar o nosso país da melhor forma possível. Nós tínhamos um objetivo, este jogo era muito importante para Portugal, o povo, os emigrantes e para nós também enquanto futebol português. Não é por acaso, é fruto de muito trabalho, tivemos um foco e esse foco foi conseguido."

. .

OBRIGADA SELECÇÃO

MESMO SEM O NOSSO CAPITÃO RONALDO
MESMO COM UM ÁRBITRO MIOPE
MESMO CONTRA A "EQUIPA DA CASA"
MESMO INSULTADOS E HUMILHADOS

FOMOS ENORMES
QUE NINGUÉM DUVIDE QUE FOMOS 11 MILHÕES EM CAMPO


MOMENTOS DE GRAÇA



.


Moral da história:
Nunca contes com o ovo no cu da galinha
porque muitas vezes dá galo...




Os "Dégueulas" hoje apagaram as luzes da Torre mais cedo...
Parece que foi para não se ver os cornos da dita


.
E por último, um mistério revelado:
Afinal os islandeses tentavam matar a traça de Ronaldo...


CHERS DEGUEULAS,


Tomez,
embrulhez
e allez acendre la Tour Eiffel en verde et encarnade

SWEET CAPTAIN



O Captain! my Captain! rise up and hear the bells;
Rise up, for you the flag is flung, for you the bugle trills,
For you bouquets and ribbon’d wreaths, for you the shores a-crowding,
For you they call, the swaying mass, their eager faces turning;


(Walt Whitman)




FINAL - MENTE

Aconteça o que acontecer...
Não caibo em mim de orgulho nos nossos meninos
foram maiores do que todos aqueles tropedos



As estrelas que hoje brilharam um pouco mais
Rui Patrício - Ronaldo - Nani
três filhos do Sporting


.


"JÁ MARCHAREM"

Foi um sofrimento, uma exaustão, uma prova de fé.
Não não, não falo deles, dos nossos meninos, falo de mim!
Um jogo... vá, pois tem de ser;
Um prolongamento... começa ser tradicional;
Mas outra vez os penalties?!?!
É muito! É um despautério, uma violência!
Fiz figuras parecidas com as que fez o nosso capitão... Mas ele estava em campo, eu estava na tasca... Sorte a minha, emborquei um whisky entre a defesa de Rui Patrício e o remate final do Quaresma quase sem dar por isso.

Eu, que sou uma rapariga tão comedida perante as seriedades da vida, confesso que não me aguento à bronca com os futebóis da Selecção, vem-me o "Levantai hoje de novo o esplendor de Portugal" às veias e não há quem me ature.

Pronto, este já está, estamos entre o quatro melhores, que pintaróla!


Faltam os Belgios, os Gálesos, os Alemanhes e os Italêses


Mas ele há coisas estranhas... 
Hoje, o "dia seguinte", após ter entrado num café de manhã, num outro à tarde e de ter passado por um super-mercado de bairro, cheguei à seguinte conclusão: ontem a Selecção ganhou o jogo com um golo do Benfica, pelos pés de Renato, os tipos do Sporting não jogam nada... Ah e o guarda-redes parece que não compareceu.