.

.
.
.
.
.

CADA UM É PARA O QUE NASCE

DESDE QUE TENHA RENDIMENTOS PARA TAL

 

O nosso José viajou sozinho em classe executiva de Paris para Lisboa... Pessoalmente não estranho, uma pessoa sabe lá se "aquilo" é contagioso... Pode ser que tenha tido oportunidade de fumar um cigarrito à sucapa.

«Passos em económica e Sócrates em executiva» 
 Expresso - 14 de Maio, 2013


«Pedro Passos Coelho teve na tarde desta terça-feira uma inesperada companhia no voo da TAP que o transportou de regresso a Lisboa, depois da apresentação em Paris do relatório da OCDE sobre Portugal: nada mais, nada menos do que o mais famoso estudante português na cidade-luz, José Sócrates.
Mas, além dos cumprimentos de circunstância à partida e de uma breve troca de palavras à chegada, o primeiro-ministro não terá tido oportunidade de trocar impressões com o ex-primeiro-ministro sobre a reforma do Estado.

Tão perto e tão longe, o primeiro viajou em classe económica, obrigado pela regra que impôs a todo o governo no início do mandato. Livre de tais constrangimentos, o ex-primeiro e comentador dominical da RTP viajou em executiva. Onde, aliás, era o único passageiro.»

Sem comentários: