.

.
.
.
.
.

CHINESICES

O comércio chinês na Europa é de nos deixar com os olhos em bico.
Se não nos cuidamos acabaremos todos a comer com pauzinhos; tenho cá para mim que o chinês não guerreia, infiltra-se e ocupa, devagarinho, sem grande estrilho.
São muitos e variados os estratagemas utilizados nestas conquistas silenciosas - comerciais, económicas e o que mais conseguirem - e lhes permitirmos.

Agora acabei de me aperceber de mais uma "inocente" estratégia que, alíás, já me vinha fazendo confusão há muito tempo:
Estou fartinha de me deparar com produtos descaradamente "Made in China" marcados com o logótipo "C E" europeu. Não estão só nas lojas chinesas, estão por todo o lado, nos super-mercados abundam.
Recebi um e-mail que , finalmente, me explicou este mistério.

Existem dois símbolos "C E" que aparecem nas embalagens comercializadas

O original,  marcação imposta pela Comunidade Europeia: "C E" - que significa a sua conformidade com a legislação comunitária;

o estranhamente semelhante "CE",  que significa China Export (Exportação Chinesa)

Ele há coincidências do caraças, não é?

Como distingui-los?
Não é difícil, basta só um pouquinho de atenção para que a nossa "Esperteza Saloia" bata aos pontos a "Esperteza Chinesa", olhem só:

.  
ME CHINESE VERY CLEVER! 


Sem comentários: