.

.
.
.
.
.

"I ALONE CAN FIX IT"

Depois de esta madrugada ter ouvido o discurso em que Trump aceitou, humildemente (sic) e com grande sacrifício pessoal e profissional (sic Ivanka), a nomeação pelo Partido Republicano à candidatura a presidente dos Estados Unidos, cheguei a várias conclusões:

  • Os EUA transformaram-se um país do terceiro mundo,
  • tem as estradas em ruínas e as pontes a desabar (sic),  
  • um desemprego galopante,
  • está em estado de guerra cívil,
  • as fábricas estão vazias,
  • não tem potencial ou força bélica,
  • os americanos vivem com "vales-alimentares" (sic "americans are on food stamps").
  • Vive-se o legado de Hilary: morte, destruição, terrorismo e fraqueza (sic)
  • A situação é pior do que alguma vez foi. (sic)
  • Ninguém conhece melhor o sistema político do que ele, Donald e por isso  ele é o único que pode reedifica-lo
---------------------

Há mais factos expostos por Trump que demonstram que os EUA estão à beira do abismo, melhor dizendo, num profundo buraco e em espiral descendente  mas o discurso teve uma duração de 75 minutos e, após uma resistência estoica, achei que já tinha exercitado ao ponto de masoquismo a minha tolerância ideológica.


"Nobody knows the system better than me, 
which is why I alone can fix it," 
____________________
The most important difference between our plan and that of our opponents, is that our plan will put America first. 
Americanism, not globalism, will be our credo.
:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

«Every day I wake up determined to deliver a better life for the people all across this nation that had been ignored, neglected and abandoned.

I have visited the laid-off factory workers, and the communities crushed by our horrible and unfair trade deals. These are the forgotten men and women of our country, and they are forgotten, but they will not be forgotten long. These are people who work hard but no longer have a voice. »

«I am your voice.»
«I have embraced crying mothers who have lost their children because our politicians put their personal agendas before the national good.»

«I have joined the political arena so that the powerful can no longer beat up on people that cannot defend themselves.»

PS -  quem não acreditar nestas e quiser ler outras deixo o link ao discurso integral (boa sorte...) com interessantes notas de verificação de factos em link

E por falar em VERIFICAÇÃO DE FACTOS vale francamente o tempo gasto por AQUI
.

Sem comentários: