.

.
.
.
.
.

OS HEROIS DO VERÃO

30 fogos activos, sendo o distrito de Viseu com casos mais preocupantes

Trinta incêndios estão activos em Portugal Continental, sendo Viseu o distrito com fogos que lavram há mais tempo e mobilizam mais meios, informa hoje o portal da Autoridade Nacional da Protecção Civil

As chamas nos concelhos de São Pedro do Sul e de Tabuaço, Viseu, que deflagraram na sexta-feira, mobilizam mais de 500 bombeiros. Em Candal (São Pedro do Sul) estão 414 bombeiros e 93 veículos a combater o fogo com uma frente activa. Já em Barcos (Tabuaço) estão 148 homens, apoiados por 41 viaturas, a combater o incêndio com uma frente activa e reactivações pontuais.


_______________________




Incêndios por localidade, tipo, risco meios de combate AQUI

Incêndios Florestais
Fonte da Informação: ANPC/CNOS

Número de ocorrências de incêndios florestais :
Ontem, 8/08 - 501
Hoje, 9/08, desde as 00:00 hr (a) - 394
Em curso (a) - 28

*(a) Valores actualizados às 23:23H 9/08

______________________________

Lágrimas e bandeira a meia haste no quartel dos bombeiros

Muitas caras lavadas em lágrimas, bandeira a meia haste e várias pessoas à procura de notícias dos bombeiros de Alcobaça, que hoje sofreram um acidente no combate ao incêndio em São Pedro do Sul, de que resultou um morto.

É este o ambiente que se vive no quartel dos Bombeiros Voluntários de Alcobaça, onde duas folhas, afixadas na porta exterior, dão a notícia de última hora, a morte de João Pombo, bombeiro de 42 anos e que há mais de 20 estava na corporação.

Esta é a notícia que nunca esperamos dar, desabafou à agência Lusa José Conde, o segundo comandante dos Bombeiros Voluntários de Alcobaça

Lusa

http://www.bombeiros.pt/noticias/noticias.php?id=12965

IOL Diário

_____________________


Actualização a 10/09/10

Bombeira morre em incêndio em Gondomar

Uma bombeira voluntária de Lourosa morreu carbonizada esta tarde num incêndio em Monte Meda, freguesia de Lomba, concelho de Gondomar, tendo as chamas provocado ainda um ferido grave e a retirada de outros quatro, disse à Lusa o comandante da corporação.

Para além da vítima mortal, uma mulher dos Bombeiros Voluntários de Lourosa, que morreu carbonizada, as chamas provocaram ainda queimaduras graves num outro bombeiro, tendo obrigado ainda à retirada de mais quatro elementos, segundo o comandante dos Voluntários de Lourosa, José Oliveira.

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Duarte Caldeira, explicou à Lusa que "esta é uma circunstância que decorre de se estar numa acção directa de combate em que há uma rotação súbita de vento".

Lusa/ Sic on line
_____________________________

UM ACRESCENTO PESSOAL


Estive a ler o "post" que o meu amigo do "ATRIBUTOS" me deixou em link aí abaixo nos comentários sobre esta vaga de incêndios, sobre a vivência que teve durante o passado fim de semana.
Ao comentar o "post" dele - Fim de Semana de Fogo - deixei umas linhas em que explicava por que não emiti, conjuntamente com as notícias que transcrevi acima, qualquer opinião ou comentário sobre o assunto.

Copio-as para aqui, para que possam entender por que não me pronuncio: não consigo!


É uma enorme angustia, dá-me vontade de chorar, só de ouvir na rádio, só de ver na TV, só de pensar nisso. Não consigo falar disto com calma. Não falo.

Há uns poucos anos costumava fazer um circuito a cavalo por uma zona de eucaliptal perto de Rio Maior, no vale cultivava-se tomate que fornecia uma conhecida fábrica de concentrado.
Passei por estas colinas muitas vezes em dias quentes, entre as árvores, morro acima morro abaixo num desafio feliz.

Naquele dia, o que mais se me fixou na memória e insiste em ofuscar os outros, senti-me num cenário de um filme de terror: o mundo era a preto e branco, cinzentos, só cinzentos, sem vida, sem cheiro a vida, sem cantar de pássaros, sem amoras para mimar o cavalo. Nada. Vazio.

E, felizmente, não vi o fogo, não senti a fúria do calor, não senti o fumo invadir-me a cabeça nem o peito, não vi as lágrimas, não ouvi os gritos nem o choro.
A morte tinha passado ali como eu nunca havia visto ou sentido.

Dos incendiários? Ah céus... calai-me.

.

3 comentários:

ATRIBUTOS disse...

Foi assim que eu vi a coisa:

http://atributos-1.blogspot.com/2010/08/fim-de-semana-de-fogo.html

Num fim de semana horroroso e com incêndios por tudo quanto é sítio

abrç

Alex. disse...

Vou lá...

Abraço retribuído

Rui Morais disse...

eu se apanhar um tipo desses a por fogo vou levar a 4 milhas da costa e deois que va em descanson ate terra.Hoje estou em Seixas e e so fogo por todo lado.Ponham o Socrates com a mangueira na frente