.

.
.
.
.
.

FAZIAS-ME O OBSÉQUIO?

Ó Zé,

Queria pedir-te um favorzito:
se não te importasses, podias pedir a demissão do "governo de gestão"?

Uma vez que, segundo vocês, não podem fazer nada de nada, a malta que não vos grama - vulgo "os responsáveis pela crise / como puderam fazer isto ao país?" - escusava de continuar a levar convosco... Vocês vingavam-se e saiam mais cedo...

Isso é que era "porreiro, pá!"

É que isto assim não dá gozo, nem sossego.

Grata pela atençãozinha,
Alex.


post scriptum - e até fazia bem ao Teixeira, o homem só pode estar com um esgotamento.


.

2 comentários:

nanita disse...

Estes tipos estão a fazer política da terra queimada. Congelaram a tomada de medidas que foram aprovadas com o OE. Quem vier a seguir ainda vai ter mais dificuldades financeiras. Afinal já não se cobram as SCUTs não se fazem as restruturações constantes do OE, etc....

Alex disse...

Quem vier a seguir ainda vai ter mais dificuldades, pois vai, a degradação é diária, a falta de gestão racional patente, o compadrio e as "máfias" proliferam.
Não sei como vai ser, sem que assim não, já sobra, largamente