.

.
.
.
.
.

MAS ESTE GAJO NÃO SE ENXERGA?

Citando José Sócrates a botar faladura hoje:

«A execução orçamental está a correr bem,
para não dizer muito bem»


Então não? As novas medidas de extorsão:

«“Uma contribuição especial aplicável a todas as pensões, com abrangência e impacto semelhantes àqueles que tivemos este ano no âmbito dos salários da Administração Pública, nas pensões acima de 1.500 euros”, anunciou o ministro das Finanças esta manhã»

«O Governo vai voltar a propor a limitação dos benefícios e deduções fiscais e a revisão da estrutura das taxas de IVA, que não foram aplicadas este ano devido ao acordo com o PSD.
As medidas a tomar para concretizar estas metas compreendem, ainda, o congelamento do Indexante dos Apoios Sociais.

Será ainda realizada uma redução dos custos com medicamentos e subsistemas públicos de saúde
, aprofundamento da racionalização da rede escolar, aumento da eficiência no aprovisionamento e outras medidas de controlo de custos operacionais.»


Quando é que estes gajos percebem que não podem continuar a extorquir o povo?

Quando se criarão neste país condições apelativas ao investimento e desenvolvimento?

Sem comentários: